Notícias Governo treina 60 profissionais de recursos humanos no software e-Estado

03 de julho de 2017

Governo treina 60 profissionais de recursos humanos no software e-Estado

Sessenta profissionais de recursos humanos de diversas secretarias e administração indireta do governo de Rondônia iniciaram nesta terça-feira (12) treinamento sobre o software e-Estado, ferramenta que começou a ser implantada pelo executivo para integrar a gestão e administração mediante meios digitais. O treinamento ocorrerá na Escola de Governo até quinta-feira (14), em três turmas, e será ministrado pela empresa Life Telecon, contratada  por licitação para customizar o software e capacitar servidores.

“O governo trabalha para padronizar, unificar as rotinas de cadastro de cada servidor, com intuito das informações serem incluídas e atualizadas da mesma maneira, seja para servidores da Seduc (educação) ou da Sesdec (segurança pública), considerando suas particularidades, claro. O sistema é modular, atende a isso”, explica a assessora de Projetos Raquel Mazzuchelli, que gerencia o e-Estado no âmbito da Diretoria de Tecnologia da Informação e Comunicação (Detic).

Segundo Raquel, esse treinamento é para os gestores de recursos humanos conhecerem a funcionalidade do sistema. Apenas a Superintendência de Gestão de Pessoal (Segep) havia sido capacitada. “Posteriormente haverá um treinamento maior, para conhecer e utilizar na prática cada menu do módulo cadastro”, explica.

O e-Estado é um software livre, adaptado do sistema e-Cidade, adotado sob a coordenação do Ministério do Planejamento para promover a gestão informatizada nas prefeituras. “Rondônia solicitou ao ministério autorização para fazer mudança no software, tornando-se o primeiro Estado a promover essa customização”, afirma a assessora da Detic.

Os benefícios do projeto alcançarão as finanças, a educação, patrimônio, segurança pública, saúde e licitações. Para os próximos 15 dias está prevista a entrega, pela Life Telecon, de módulos pertinentes à compra e licitações. “O estado vai ter ganho com um controle adequado e integrado do cadastro funcional, e para o servidor também é importante porque existe uma dificuldade muito grande de conseguir documentação na hora de ser aposentar, por exemplo”, diz Raquel.

No campo de recursos humanos, a ideia para alimentar o cadastro dos servidores é “puxar as informações” do Diário Oficial do Estado. Os sistemas serão interligados, possibilitando que um decreto de posse, por exemplo, seja vinculado digitalmente ao cadastro do servidor.  A Detic trabalha para que até o final do ano essa integração seja feita, o que vai agilizar o armazenamento dos dados.

Outra ponta de atuação da Gerencia do Projeto e-Estado é a criação do portal do servidor. “O funcionário terá acesso fácil a informações de sua vida funcional, facilitando obter documentos, e quem sabe poderá ter meios de fazer simulação de sua aposentadoria”, afirma Raquel.

Fonte: http://www.rondonia.ro.gov.br/governo-treina-60-profissionais-de-recursos-humanos-no-software-e-estado/

Comentários

Comentários